sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Escola Effata - Formação de Intérpretes 2010

Inscrições:
De 01/03 à 10/03
effatarsul1@yahoo.com.br

Informações:
effatarsul1@yahoo.com.br / (11) 6625 2295

Pré-Requisitos:
* Atuar como intérprete na Pastoral dos Surdos no mínimohá um ano;
* Enviar contato do Coordenador dos Intérpretes local ou doSurdo Coordenador de Pastoral.

Local:
IST – Instituto Santa Teresinha
Rua Jaguari, 474ª, Bosque da Saúde São Paulo/SP

Como chegar?
De carro: maps.google.com.br
A pé: Metrô Linha Azul sentido JABAQUARA (quem vem do Metrô Barra Funda Linha Vermelha, ir até a estação SÈ, fazer baldeação e pegar o metrô linha azul sentido JABAQUARA); descer na estação PRAÇA DA ARVORE; pegar ônibus CLIMAX ou VILA BRASILINA e pedir para descer na ESCOLA DE SURDOS.

Cronograma:
21/03; 18/04; 16/05; 13/06

............................08h00 - Língua de Sinais
............................10h00 - Intervalo
............................10h20 - Língua de Sinais
............................12h00 - Almoço
............................13h30 - Oficina de Tradução
............................15h30 - Intervalo
............................15h50 - Oficina de Tradução
............................17h00 - Encerramento

Taxa:
R$ 20,00 por dia de Curso
(almoço incluso)

Vagas:
25

Professores / Orientadores :


Claudia Nagura – Surda
Pastoral dos Surdos de São Paulo/SP
Pedagoga; Arte Educadora; Graduanda em Letras-Libraspela UFSC/ Pólo USP; Instrutora de Libras (Superior) Prolibras/MEC; Professora da ECS Rio Branco e IST -Insituto Santa Teresinha/SP.

Daniel Choi - Surdo
Instrutor de LIBRAS e Agente Multiplicador - FENEIS/MEC; Instrutor de Libras - Prolibras/MEC; Instrutor Oficial da DERDIC / PUC SP.

Moryse Vanessa Saruta - Surda
Pedagoga e Especialista em distúrbios da áudiocomunicação –FMU; Instrutora de Libras - Prolibras- MEC; Professora do IST - Instituto Santa Teresinha / SP; Diretora Regional daFeneis/SP.


Rimar R Segala - Surdo
Ator-Mímico- Clown (DRT 22.460); Fundador da Cia Arte e Silêncio; Arte Educador; Prof. de Matemática e Libras;Tradutor/Interprete;Mestrado em Tradução de Libras.


Ana Paula Xavier
Pastoral dos Surdos de Osasco/SP
Graduanda em Pedagogia; Instrutora de Libras no SENAI/Osasco e no Seminário Passionista/Osasco.


André dos Santos Silva
Pós-graduado em Dialética da Língua Portuguesa; Graduado em Letras Português /Inglês; Graduando em Letras-Libras Bacharelado (UFSC); Instrutor de LIBRAS (Superior) e Intérprete de LIBRAS (Ens. Médio) Prolibras/MEC.


Mauricio J.Gut
Pastoral dos Surdos de Campinas/SP; Fisioterapeuta; Pós-graduado em libras; Professor do curso de libras na Faculdade Anhanguera de Campinas, Valinhos e Indaiatuba; Intérprete e Instrutor de Libras -Prolibras/MEC.


Odirlei Faria
Coordenador dos Intérpretes
Pastoral dos Surdos Regional Sul1
Pedagogo; Intérprete de Libras (Ens. Médio) Prolibras/MEC; Intérprete na SMPED/Prefeitura de São Paulo e PUC SP.


Objetivo Geral
Promover a ampliação do acesso e compreensão dos Surdos à Boa Nova do Evangelho por meio da otimização do
conhecimento e do uso da Língua de Sinais Brasileira, para que, assim, possam amadurecer sua escolha pelo Cristo.

..........Objetivo Específico

..........
Aprofundar a formação lingüística e tradutória (Libras/Língua...... .......... Portuguesa) dos Intérpretes ouvintes da Pastoral dos Surdos Regional .......... Sul1para uma melhor atuação na Celebração Litúrgica e nas atividades .......... pastorais.

Público Alvo
Intérpretes ouvintes da Pastoral dos Surdos Regional Sul1 que atuem no mínimo há um ano.

Carga Horária
30h – Presença mínima obrigatória para obtenção de certificado = 75%

Conteúdo Programático

Língua de Sinais

Expressão Corporal
.......... Exploração Potencial
.......... Ampliação e Organização do Movimento
.......... Autenticidade e Comprometimento
.......... Criação / Corporificação do Pensamento

Cultura Surda
.......... Aspectos Práticos

Construção Espacial na Modalidade Visual
.......... Dsiposição e relação entre Elementos
.......... Concordância
.......... Análise SintagmáticaLibras x Língua Portuguesa

Contação de Histórias
.......... Representação Mental
.......... Incorporação de Personagem
.......... Função Dêitica / Função Anafórica
.......... .......... Espaço Real
.......... .......... Espaço Token
.......... .......... Espaço Sub-rogado

Tradução / Interpretação

Aplicação: Parábolas

Fidelidade e (In) Visibilidade do Tradutor

Processo de Tradução
.......... Texto Escrito na Língua de Partida
.......... Leitura
.......... Levantamento de Terminologia
.......... Análise dos Significados Implicados
.......... Elaboração de Soluções na Língua de Chegada
.......... .......... Equivalências
.......... .......... Proximidades
.......... .......... Neologismos
.......... Produção final de Texto na Língua de Chegada
.......... Registro
.......... Revisão da Tradução
.......... Produção de Novo Texto na Língua de Chegada
.......... Registro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário